10 dezembro 2009

A escala do SATA Internacional

Impressionante o poder do lobby para a ampliação do aeroporto da Horta!
Por causa das condições meteorológicas em Lisboa era aconselhado transportar algum combustível extra para a eventualidade de esperas adicionais, por esse motivo o voo S4153 fez escala em Ponta Delgada porque não conseguiria sair do Faial com esse peso extra, devido ás limitações que o comprimento da pista do Faial impõe aos A320.

Isto só é impressionante porque foi notícia nacional, enquanto no Pico se cancela por limitações também derivadas do comprimento da pista e muito pouco se vê dizer com excepção de alguns blogs e destas duas notícias que não passaram do âmbito local e não são totalmente relacionadas com o cancelamento.
Eu diria que um cancelamento é mais extremo que uma escala. Devo estar enganado.

Só tenho que dar os parabéns ao lobby pela ampliação da pista da Horta!

19 comentários:

Bruno Rodrigues disse...

"Dornier voa para América do Sul"
http://www.acorianooriental.pt/noticias/view/197734

Adeus e obrigado.

Rui Medeiros disse...

Foi-se embora sim senhor. Nova matrícula CC-AAQ.

artur xavier disse...

Já dizia o nosso Povo: "Com papas e bolos, se enganam os tolos!"
Todos nós sabemos, porque não somos tolos, que a outra banda tem o peso que tem e que esse peso já vem de muito longe. Um peso que nem o Projecto Autonómico conseguiu (Não quis!) equilibrar... Enfim, é a nossa sina. A nossa triste sina!
Agora, algumas forças vivas do Pico, começam a acordar e a fazer ouvir as suas vozes. Mais vale tarde, que nunca!(Lá estou eu,mais uma vez, virado para os provérbios). Apenas espero que não tenham piado tarde de mais...

Anónimo disse...

pode ter sido por ser o avião "novo" que se calhar está mas é todo partido ?

Anónimo disse...

Escalar P Delgada é tirar ao Pico a vantagem que a Horta fornece:o voo directo para Lisboa...

jose disse...

Por isso e que existem Satas e faz-se a ligaçao Pico-P.Delgada ou Terceira-Lisboa e vice-versa. A única vantagem de ter um aeroporto vizinho ao lado é quando é mesmo impossivel sair da nossa ilha no mesmo dia. A pena e que isso só acontece de um lado do canal, pois se existisse maior flexibilidade as coisas funcionavam melhor!

Alguns faialenses é que estão mal habituados qualquer coisa barafustam, por causa de um voo directo escalar noutra ilha!

E arranjam a desculpa para a ampliaçao! E entao o que se passou no Sábado no Pico por causa da pista tambem ser curta!!!!!!!! Nao é a mesma coisa???
So que isso não foi notícia!!!!!

Anónimo disse...

Sinceramente, é incrivel o poder de "seduçao" dos do lado de lá. Quantas e quantas vezes nos fazemos escala no aeroporto da Terceira para poder ir para Lisboa??(por falta de combustivel) ??! mas disso ninguem fala... quantas e quantas vezes há voos cancelados por chuvas e nevoeiros??!! mas disso ninguem fala... quantas e quantas vezes á ultima da hora, nos dizem "VAO PARA A HORTA SE QUEREM APANHAR O AVIÂO"... mas dissso ninguem fala... quantas e quantas vezes ficamos a ver "voar" os A320 por cima da Madalena rota pro Faial na epoca de Natal e nós sem nenhum no nosso aeroporto?!! mas disso... ninguem fala.... quantas e quantas vezes se faz um aeroporto (quase de raiz) para operar A320 e nao dotam o aeroporto com as condiçoes adequadas para os mesmos (pista curta, combustivel perdido no meio do atlantico etc etc)... DEVE SER RARO OU MESMO UNICO... ENFIM DINHEIRO PARA A COVA.. DE NADA NOS SERVE ESTE "AEROPORTO" .. QUE POR VEZES SO TEM UM VOO POR DIA.. É LAMENTAVEL.. E ESTUPIDO... E AO MESMO TEMPO FASCINANTE... É FASCINANTE PORQUE NAO HA RESPEITO... "AEROPORTO DO PICO" UMA DAS MAIORES TANGAS FEITAS AQUI NESTA ILHA...

João disse...

mas então porque só agora com o problema do Faial os deputados do Pico se lembraram de fazer barulho??
realmente não há descernimento que consiga acompanhar esta lógica de política e gestão das nossas infra-estruturas.
Nós temos todos de perceber que os aeroportos também são nossos! São do Estado, temos de ter voz activa e enviar para os jornais sempre que existem tais situações. Se os jornais e tv's não vem ao Pico, vai o Pico aos jornais! que só assim este país parece andar e devagarinho.

Anónimo disse...

Caro Rui, para que nunca mais haja um ATP "Graciosa" (foi há 10 anos o fatídico voo) o que farias para melhorar as condições de navegação nos Açores ? Mais NDBs? Mais VORs ? Outros meios? Onde (em que ilhas, locais)? Muito se falam das pistas, e as ajudas aos que andam lá por cima?

Parabéns à RTP-Açores pela reportagem que passou esta noite. Não sei se a vão colocar no repositório online no Sapo.

Cumprimentos,

Rui Medeiros disse...

Estão em andamento vários projectos para melhorar a navegação aérea nos Açores. Já se publicaram novas aproximações por instrumentos, incluindo novas por RNAV ao Corvo, foi instalado o RADAR de Santa Maria e em breve será instalado um sistema com a mesma função que alargará a cobertura até ao nível do solo ao triângulo e está planeada a sua extensão a todo o arquipélago, estão já adjudicadas a instalação de um VOR em S. Jorge e do ILS no Pico.
As novas aeronaves que vêm equipar a frota da SATA Air Açores têm mais meios de navegação autónoma.

Assim, já não estamos como estávamos em 99 e mesmo nessa altura as limitações ao nível de navegação aérea apenas limitavam a operacionalidade do nosso espaço aéreo, nunca esteve em causa a segurança.

Dito isto, penso que seria interessante investir em aproximações RNAV nos Açores, que possibilitam mínimos interessantes comparativamente às aproximações por NDB que são, para já, a única opção no triângulo. Certos tipos de aproximação RNAV ou com base nos equipamentos de navegação autónoma até podem rivalizar com o ILS.

Cardeal disse...

Boa tarde. Sr. Rui, pelo que me é dado ver, desde a altura em que comecei a acompanhar o seu blog, você só consegue ter temas para discussão apresentando situações da ilha vizinha mais próxima, que como é lógico é o Faial. Será que não seria mais lógico alterar o nome do blog para O Faial e os Aviões?. É que do Pico discute-se muito pouco. Fala-se muito é sobre o Faial e percebe-se que existe a mania da perseguição de muita gente que por aqui anda. Concluo que se não fosse o Faial o seu blog não existia pois não havia assunto, tão poucos são os aviões que passam no Pico. E o que mais me entristece é o facto de estarem sempre a tentar que não se faça mais nada no Faial. Agora querem é tudo no Pico. Têm um aeroporto praticamente novo e mesmo assim não serve. Têm de ser feitas obras novamente. Pelo amor de Deus, já ninguém aguenta com tanta tolice. E depois dizem que é o lobby do Faial a funcionar. Sr. Rui, para quem se diz "Mestre", com formação que antigamente dava uma Licenciatura, acho que deveria ter um pouco mais de bom-senso antes de mandar certos assuntos cá para fora pois isso só mostra que está preocupado com alguma coisa, não com o Pico mas sim com o que os vizinhos do outro lado "podem" vir a ter, e digo "podem" pois sabe-se lá se algum dia virão a ter, mesmo coisas que são muito necessárias para aumentar a segurança da operação. Ao contrário do que muita gente pensa, nâo é fácil fazer algo no Faial, pois surgem sempre muitas dificuldades. Hoje em dia, mesmo com muitos condicionalismos, nomeadamente a falta de Hospital, é mais fácil viver no Pico do que na ilha vizinha Faial. Cumprimentos.

artur xavier disse...

Eu, no lugar do Rui Medeiros, não dava resposta a este cardeal. Por vezes, a melhor resposta é mesmo o silêncio.
No entanto e porque, cá dentro, o "bichinho" não pára quieto e porque todos temos o direito de escrever o que nos vais na real gana, ainda que baboseiras, não posso ficar indiferente ao que, por aí, vou lendo.
Coitadinhos dos nossos vizinhos, para quem a vida está (mais) difícil. Afinal eles a única mais-valia que têm, em relação a nós, presentemente, é o hospital...
Já não é nada mau! Eminência, Vª Exª Revª não pode imaginar o quão eu sofro com os vossos infortúnios.
Se eu tivesses os dotes de uma Florbela ou de uma Natália, fazia um poema e dedicava-lho. Sinceramente!

Cardeal disse...

Sr. Artur Xavier, se não tem nada a dizer o melhor é mesmo fazê-lo. Por favor já ninguém aguenta tanta "BOBAGEM". O que eu vejo aqui é só pessoas a defenderem-se umas às outras. Será que as pessoas já não podem responder por elas próprias. Estão sempre com histórias de coitadinhos e depois não dizem nada de jeito. Já lá dizia o povo que a cisma é pior do que a doença, e com muita razão. O que eu vejo por aqui é muita gente cismada e com a ideia que se anda a brincar aos aeroportos. Meus amigos, a aviação não é uma brincadeira, é uma coisa que tem de ser levada muito a sério, seja no Pico, seja no Faial, seja no "cu de Judas". Pensem um pouco antes de atirarem a primeira pedra. Cumprimentos.

Anónimo disse...

Os Picos só sabem chorar!!!
Talvez para ver se mamam...!!
Vão levar toda a vida a ver os aviões a passar para o FAIAL..

Valter Medeiros disse...

Só tenho uma perguntinha para o senhor Cardeal:
Já alguma vez teve de ser evacuado de maca num cruzeiro em dia que tenham sido canceladas todas as ligações marítimas no canal?

Se não, pense bem antes de afirmar que no Faial se vive pior que no Pico.

Se já, não o compreendo!

A Oriente disse...

Não tenho qualquer dúvida de que o Pico foi sempre deixado atrás por via da influência politica que o Faial detém.

Vivo bem mais a oriente, mas conheço profundamente o Pico como o Faial, e conheço a problemática da aviação nos Açores, pois é dela que vivo.

Por mim é indiscutível que cada ilha/local deve, desde que tenha aeroporto com caracteristicas e condições semelhantes e suficientes, ter o tráfego que é capaz de gerar. É fácil de saber. Quantos passageiros por mês entram e saem do Pico com destino ao continente ? Em época alta, em baixa, locais, turistas. Resta dividir pela capacidade próxima de uma aeronave e saber-se-á quantas escalas deverá ter o Pico.
Acho que tem direito ao tráfego que gera e ninguém tem de ter preocupações com a viabilidade da Horta! Até é explorado por outra empresa.
É também contando com o tráfego que o Pico gera que no faial vão suportando as suas exigências.

Concordo inteiramente (e quanto fácil é) dar mais duas ou tres centenas de metros à Pista do Pico.

Defensor nº 1 disse...

Parece que estes "senhores" do Faial - Cardeais, padres e muitos leigos incluídos - estão ufanos e vangloriam-se quase com a certeza de que o Pico irá ficar sempre esquecido e em desfavor do Faial, sobretudo neste caso do aeroporto e ligações aéreas - tem efectivamente um lobby forte - comandado por figuras "gradas" do "quase antigamente" e que mexem ainda com "altas esferas". E arrogam-se a enxovalhar a premente necessidade de melhores acessibilidades para o Pico. É preciso ter lata! E desvergonha! Se não fosse uma (ou muitas) decisão(ões) errada (s) de há uns quanto anos, nomeadamente a que fez "voar" para o Faial o aeroporto que nos anos 60 seria construído no Pico, quem sabe se a situação não seria invertida.
Mas creio que nós, deste lado, se tal tivesse acontecido, nunca iríamos combater o progresso dos outros, como estes "senhores" fazem!
Apenas queremos o que de direito nos pertence. Faça-se a contabilização dos passageiros provenientes do Pico que engrossam os números do Faial. Mas estes "senhores" estão tão seguros de que nunca se dará credibilidade aos números reais, que ainda escarnecem!
Até os nossos deputados incorrem na infantilidade de pedir mais voos à TAP sem fundamentação, porque esta defende-se com números dos passageiros, e não lhe interessa saber quantos do Pico estão incluídos nos totais da Horta.
Assim não vamos lá, para gáudio dos nossos "concorrentes" e detractores!

Padre... disse...

Não vejo ninguém do Pico a falar das centenas de milhares de euros que se gasta nos "futebois" e afins desportivos, sem nenhum interesse para o desenvolvimento da ilha do Pico.
Contudo tenho a dizer que em São Jorge também existem evacuações, e se fosse a fazer lobby, seria para outras infraestruturas e nunca para mais obras no aeroporto.Em São Jorge não quero nada disso, e por isso tudo acho que o Pico continuará a ser a ilha do futuro.

Anónimo disse...

Afinal como é Sr Padre? Não quer nada disso mas pede voos da TAP?
Já o devia saber, mas a inveja é um pecado...