05 novembro 2008

Voos extraordinários do Natal

Recebi hoje o primeiro comentário indignado sobre a falta de voos extraordinários na época do Natal para o Pico, e achei que está na hora de escrever mais uma vez sobre este assunto. Digo mais uma vez porque este tem sido um tema recorrente todos os Natais desde que a TAP voa para esta ilha.
Assim, mais uma vez, não estão programados quaisquer voos extra para o Pico para colmatar o aumento da procura registada. E é fácil afirmar que a procura este ano ainda é maior que em anos anteriores, uma vez que o voo de 20 de Dezembro já estava cheio em Agosto. No entanto a TAP faz orelhas moucas a qualquer pedido, vá-se lá saber com que desculpa desta vez, mas não há que desesperar uma vez que para o aeroporto da Horta já estão 12 voos extra marcados. E lá vamos nós encher estes voos de novo, porque a alternativa é perder-se dias de férias e ninguém prefere isso a uma viagem extra no Cruzeiro do Canal.
Será que é assim tão difícil programar mais 2 voos para o Pico nesta época? Será que distribuídos por esses 12 voos que vão para o Faial não vão muitos mais passageiros com destino ao Pico do que os que cabem em 2 voos?
Quando fiz a minha reserva comentou-se que seria muita má vontade da TAP se não fizesse qualquer voo extra para o pico este ano dado o estado das reservas… Será que é só má vontade da TAP que impede tal sacrilégio que seria um voo extra para o Pico?

9 comentários:

JGAvila disse...

Este é um tema velho que parece não ter resolução.
No continente, as populações indignam-se contra situações injustas, cortam estradas, manifestam-se com cartazes á porta desta e daquela entidade, dizem o que pensam.
Nós no Pico, somos tão pacíficos que aceitamos comer a sopa com uma mosca dentro do prato...
Para que servem autarquias, deputados, partidos, câmara do comércios populações a tomarem atitudes firmes para alterarem injustiças flagrantes e continuadas? Sim porque esta é uma situação injusta que obriga os picoenses a gastarem mais do seu bolso, quando têm ao pé da porta um aeroporto com condições para poderem viajar?!
O que nos tolhe os movimentos e nos inibe de agir para mudar situações gritantes?

Fiat Lux disse...

Já não há muito mais a dizer.
É uma afronta consentida.
Desde logo por aqueles que recebem o nosso voto.
12 voos extra para a Horta!?
Custa a acreditar.
As situações são mais que muitas.Todos os dias.
A "nossa" Sata também não fica atrás da Tap.
Mais um exemplo aqui:
http://fiatluxcarpediem.blogspot.com/2008/11/todo-o-per-tem-o-seu-natal.html

Anónimo disse...

Já nos habituámos às afrontas que os políticos e os fazedores da política deste rincão formado por 9 ilhas, nos atiçam com uma desavergonhice a todos os títulos nojenta. É demais o que o Governo consente que se faça com esta nossa Ilha, dando o aval a todas as diatribes que um grupo de lobies praticam com uma desfaçatez atrevida. Ontem como hoje o que se passa com os toques aéreos para o Pico é um autêntico atentado a uma população ordeira e que se quer emancipar e progredir. Assim não vamos a lado nenhum e deste modo os políticos que nos representam continuam a ser, como já o eram, apenas humildes seguidores dos interesses escondidos e velados de um grupo bem instalado no «terceiro ilhéu». Os deputados picoenses eleitos pelo partido que sustenta este Governo de compadrios apenas fazem o que o preto do Dr. Campos fazia quando lhe enfiavam uma moeda, agradecem reverentemente e os outros, da oposição, são a voz que clama no deserto. Mas não são os Faialenses que fazem este tipo de política. Esses sim fazem o que lhes é permitido e aproveitam o que lhes dão porque agarram com unhas e dentes. Os piores são os outros, os Picoenses que se banqueteiam à mesa dos senhores feudais e que dali tiram o que melhor lhes convém em detrimento dos seus outros irmãos que moirejam na terra da lava e da «Unesco». Um dia, que não vem muito longe, tudo será diferente e se por cá estiver, hei-de rir-me de bancada assistindo ao desmoronar dum pedestal que era apenas acente em areia e não tinha alicerce consistente. No entanto os aviões se não vêm para o Pico a culpa é inteirinha do Governo Regional do PS que foi novamente sufragado nas eleições de 19 de Outubro passado. Mas como se diz por cá...«Todo o porco gordo tem o seu dia de matança»...

Anónimo disse...

Sinceramente, não encontro palavras para exprimir o que me vai na alma!...
Tem razão jgavila. Carradas da razão! No continente, para se resolver um problema, basta cortar uma estrada e "chamar" a TVI. No Pico, no Pico... Santo Deus! Que Gente tão pacífica (Ou acomodada?). Está bem bom! Já foi pior! Não se pode fazer nada!
Já chega destas afirmações. Ora bolas, que nós não merecemos continuar a ser tratados abaixo de ... de cão! Ou merecemos?

Anónimo disse...

se no continente cortao estradas
e se manifestao,em sao miguel eles
vao bater ha porta deles,e nos no
pico fiquemos sempre descalcos e
sen avioes culpa de quem manda,
e quem a que manda sera prssiso
alumiar,nao sabem em quem votarao
,para onde a que nos vamos sem vos,nao se hove da boca de picarotos nada a nao ser que se fale em copinhos de vinho e nada mais.

Neto de um velho rijo disse...

O Povo do Pico é como as mulheres dos pescadores de Rabo de Peixe: levam no pêlo quase todos os dias mas não se queixam, porque têm medo. E tanto tem medo e comem merd@ que continuam a votar cada vez mais em quem lhes atira areia para os olhos e lhes c@ga em cima do chapéu. Os nossos antepassados, baleeiros rijos e outros que tais, devem estar a dar reviravoltas nas sepulturas ao ver este cenário.

JGAvila disse...

Da história recente recordo a teimosia de alguns secretários dos transportes, sedeados na Horta, em não ampliarem a pista do Pico, alegando então os ventos. Sempre os ventos do sul...até que houve alguém, com coragem, para dizer basta! amplie-se a pista para receber aviões de médio curso, a aerogare (ainda me recordo do som roufenho e imperceptível dos alti-falantes de campânula), a torre do controlo ( lembram-se da antiga? e dos "meteorologistas" da SATA?) do quartel de bombeiros, dos depósitos de combustíveis no Cais (quando estão prontos?) e de uma sala de visitas que não nos envergonha, ou melhor parece que envergonha a SAta Internacional que cá não põe os pés.
Tudo isto para separar os que fizeram um aeródromo mais pequeno que o aeroporto da Horta e que precisam agora de coragem para enfrentar o outro lado do Canal. Só isto e não é pouco!
Esse tempo já passou. Agora precisamos de ter

Anónimo disse...

Cada tiro, cada melro! Cada cavadela, cada minhoca!
Desde há muito tempo, não existem lugares disponíveis LXA-PIX, para o dia 20 de Dezembro. No entanto já existe um voo LXA-HOR para esse dia!
Valerá a pena comentar ou ... cagamos nisso?!

De São Roque disse...

Agora que sei o aeroporto da Horta vai ter o aumento da Pista, é que vai ser dificil termos mais voos, isto porque irão começar a surgir ligações para outros paises.
O que podemos fazer?