12 setembro 2008

NDB do Pico fora de serviço

A trovoada da última sexta provocou alguns danos no aeroporto do Pico, deixando também o NDB fora de serviço.
Hoje fui ver os NOTAMs para ver se o problema já estava resolvido mas encontro o seguinte:

LOCATOR PI FREQ 420KHZ UNSERVICEABLE.
B0223
FROM: 11 SEP 2008 15:41 TO 11 DEC 2008 23:59 EST

Ou seja estamos sem a nossa única rádio ajuda até Dezembro! E o que diz a TAP disto? Sim, porque no início das operações para o Pico exigiu que fosse publicada uma aproximação por instrumentos para cá operar, e agora com o PI fora de serviço a única aproximação possível ao Pico é a visual... E isto no começo do Inverno.

Coerente seria a TAP deixar mesmo de voar para o Pico durante este período, e quem sabe assim não se arranjasse maneira de resolver o problema numas semanas…

03 setembro 2008

Menos um voo Horta Lisboa no Inverno

A SATA internacional vai diminuir o número de voos para o Faial de 2 para 1 já neste horário de Inverno que entra em vigor em Novembro, ficando o aeroporto da Horta a contar com 4 ligações semanais a Lisboa.
Esta redução é justificada em parte pela articulação dos voos do Pico e Faial, não se justificando 2 voos para estas ilhas no mesmo dia durante o Inverno.
Só é pena que a suposta articulação de voos entre estas duas ilhas sirva apenas quando se quer cortar voos...
Os voos da SATA Internacional para a Horta eram inicialmente à terça e quarta, mas no horário de Inverno do ano passado o voo de quarta foi passado para o sábado, em parte devido à pressão dos grupos desportivos das duas ilhas. Este verão os voos desta companhia voltaram aos dias iniciais, e no próximo Inverno desaparecerá o voo da terça, passando o Faial a contar com ligação directa a Lisboa no domingo, segunda, quarta e sexta.
Embora já tenham surgido algumas criticas a esta redução, podemos vê-la como um ajuste ao início da operação no Pico. Como sempre tenho dito, as pessoas do Pico são também grandes utilizadoras do aeroporto da Horta, e no Inverno a percentagem de turistas a viajar diminui acentuando a importância dos passageiros locais. Assim, é normal que com o aparecimento de um voo no Pico, aos poucos se comece a notar algum impacte no aeroporto da Horta, especialmente de Inverno. Com o aparecimento da ligação do Pico houve um aumento significativo da oferta de lugares para estas duas ilhas no horário de Inverno, sem que o tráfego tenha aumentado na mesma proporção, como aliás seria de esperar, pois os passageiros são praticamente os mesmos, apenas os do Pico já não têm de atravessar o canal um dia por semana. Passados que estão alguns anos, e sem que o tráfego nestas ilhas tenha aumentado significativamente, é normal que se tenha ajustado os voos para os 5 que existiam antes de haver voos para o Pico, só que agora estão os voos distribuídos pelas duas ilhas, se bem que ainda nada uniformemente.
Assim, e apesar de ser de lamentar qualquer regressão no número de voos para estas ilhas, penso que estamos perante uma medida justificável, que quem sabe não podia ter sido evitada se nos deixássemos de guerras bairristas sem cabimento e já nos tivéssemos juntado na construção e promoção de um triângulo apelativo para os turistas durante todo o ano.