06 setembro 2007

Descubra as diferenças

Deixo-vos aqui 3 fotos, de 2002, 2004 e 2007 na aproximação final à pista 09 (ainda era 10 na primeira)

5 comentários:

Anónimo disse...

caro rui,

na ultima foto, a actual, notei na mesma e confirmei ontem ao sair do pico que no final da pista que da para a madalena, colocaram luzes no final da pista e tambem na area de taxi no final da mesma.sera que nao se podia utilizar essa area para que o aviao tenha mais uns metros para poder parar alem da pista e tambem um espaco mais amplo para virar, acho que ficou pior, ou nao?

Rui Medeiros disse...

Esta a falar da RESA, Runway end safety area. No caso do Pico elas não têm a mesma resistência que a pista, e se um avião as utilizasse para virar no fim da pista depressa se degradariam, portanto do modo que estão feitas não podem ser utilizadas senão em emergência. Esse é um dos defeitos que aponto á construção da pista do Pico. Por exemplo na Madeira a RESA já têm a mesma resistência que a pista e está marcada como soleira deslocada, assim os aviões podem usá-la para virar e têm mais uns metros para descolar, e continuam a funcionar como RESA porque nas distâncias declaradas desconta-se os seus comprimentos na aterragem para prevenir undershots e overruns, e na descolagem desconta-se apenas a RESA do lado oposto para prevenir overruns, e ganha-se assim alguns metros na descolagem, no caso da Madeira 150. O Pico tem 1955 metros de alcatrão, mas destes apenas 1745 têm a resistência necessária, os outros são a RESA de alcatrão colocado praticamente á balda. Porquê? É mais barato que a solução da Madeira. Se as RESA's do Pico fossem utilizáveis a pista teria 1805 metros disponíveis para a descolagem dos dois lados contra 1745 na 27 e 1655 na 09 actualmente. Para a aterragem seriam 1655 dos dois lados, actualmente são também 1655 na 27 mas apenas 1580 na 09.

Joao Braga disse...

Caro Rui,

A diferença das duas ultimas fotos apenas estão no alinhamento do topo da 09 de forma a se poder instalar as antenas do LLZ. Deves ter reparado nos camiões que andam todo o dia para traz e para a frente a por "entulho" que estão a tirar da barreira lateral mais à frente.

Joao Braga

Rui Medeiros disse...

Hehe! A grande diferença que noto entre essas duas não são as obras para o ILS mas o terminal, a torre, o quartel de bombeiros e as cargas

Bruno Rodrigues disse...

http://www.picoazores.com/noticias/noticia.php?noticia=3916