06 agosto 2005

Air Luxor no Pico?

Depois da recusa da TAP em fazer mais voos para o Pico, os clubes desportivos procuraram outras companhias dispostas a fazer voos charters para o Pico ao fim de semana, de modo a que as suas intenções de se deslocarem até Lisboa directamente pelo Pico não fiquem já por terra.
Para já receberam resposta positiva por parte da Air Luxor, que se disponibilizou a fazer o voo com um A320.
Falta agora saber se os clubes vão estar dispostos a pagar o que a Air Luxor vai pedir pelos voos, pois é uma impresa privada a fazer um voo sem qualquer ajuda por parte do estado, ao contrário da TAP, e que terá obrigatoriamente de ser lucrativo para a companhia, uma vez que sem qualquer obrigação de fazer o voo, só o fará se lhe der lucro. Deste modo prevejo que este voo terá um custo muito superior ao que os clubes pagarão se decidirem viajar pela Horta, e assim sendo, será que a vontade de voar pelo Pico vai superar o problema dos custos acrescidos?
Assim, apesar de a ideia ser boa não acredito para já que vá para a frente, mas espero estar enganado...

3 comentários:

amg disse...

Olá
Antes de mais os meus parabéns pelo teu blog.
É sempre bom ver malta nova a «puxar» pela sua sua terra.
Sobre aviões:
1. Por acaso já tentaste ir tirar umas fotos num nível superior ao do aeroporto, tipo na lagoa do Capitão (acho eu, que tem uma boa vista para o canal de S. jorge)? Ou na zona do Farropo (acho que se chama assim). Talvez seja um pouco longe do aeroporto, mas se o avião estiver na final não dará? Pelo menos fica com S. Jorge por trás.
2. Bom, agora sobre «Air Luxor»: eu se fosse picaroto apenas viajaria do Continente para o Pico na TAP (e talvez na SATA). Porquê? Por causa da qualificação dos pilotos. É que os da TAP sei eu que se «qualificam» para operar em pistas «curtas» (é o mesmo com a Horta: quem aterra é o sempre o comandante, não há «facilitismos»). É que se calhar pode bem ser esta uma das razões porque a TAP (ainda) não tem «em carteira» o nº desejado de pilotos para ir aí em rotação mais do que uma vez por semana.
Eu se fosse a vocês tomava cuidado com o voluntarismo de certas companhias...
Hei-de aparecer mais vezes
1abraço
PS: e boa sorte para o Madalena (e oxalá tenham juízo com os tostõe$$)

Rui Medeiros disse...

olá!
Peço desculpa por não ter dito nada mais cedo, isto em férias não há tempo para computadores!
Quanto ao tirar fotos dos locais mais elevados, de facto existem alguns sitios com boa vista para a pista, mas eu não tenho máquina com zoom para isso!
Sobre a Air Luxor, quando foram questionados sobre o assunto pela comunicação social, disseram não saber de nada, por isso não acredito que chegem a voar para cá.

Um abraço

amg disse...

Olá de novo
Para te informar que de acordo com a minha «secreta» só existem 04 pilotos da TAP qualificados para o Pico. (são uns tipos «especiais» pois além de serem comdt´s de 320 são ainda instrutores/verificadores, ou seja: «a nata»!)
Isto significará (?) que - em princípio - estes «4» poderão derivar para a Horta, mas os que estão qualificados para a Horta não poderão derivar para o Pico, o que é uma «chatice» (mas segurança acima de tudo).
Sobre a guerra Horta-Pico, tal (também) não me parece existir, pois a ANA desloca para o Pico 04 bombeiros para auxiliar os «locais» sempre que há TAP, para além de ter «empresta-dado» um carro de combate a incêndios; a isto eu chamo boa-vontade.
Estive «por aí» na segunda quinzena de Agosto (grande tempo!!) e não gostei de ver o particular do Madalena com o Velas...
1abraço