10 julho 2005

E de que lado aterra o avião?

E já que estamos numa de dicas ao spotting no Pico, fica aqui ainda mais uma para os que se perguntam: E como é que sabemos de que lado vai aterrar o avião?

A resposta devia ser simples, porque os aviões tendem a descolar e aterrar contra o vento, desse modo diminuem o comprimento de pista necessário para as manobras de aterragem e descolagem, entre outros benefícios operacionais, mas a pista do Pico já é relativamente grande para um ATP, e como os aviões são certificados para aterrarem com um certo vento de cauda, normalmente entre os 10 e 15 nós, para poupar tempo e combustível, não é raro os voos da Terceira e de S. Miguel aterrarem na 27, mesmo com ventos a rondar os 10 nós a apontar para a 09.
Portanto o meu conselho é o seguinte, quando chegar ao aeroporto olhe para uma das mangas de vento ( aquelas coisas cor de laranja espetadas num mastro que se vão mexendo ao sabor do vento) e veja para que pista estão a apontar. Essa é a pista para a qual o vento está favorável. Agora tem de ter em conta se o avião de que está à espera é um A320/19 ou um ATP. Se for o A320, pode esperar na pista para onde o balão aponta, porque como a pista é curta eles tendem a utilizar a que está mais favorável ao vento, mesmo que apenas soprem uns 2-3 nós, se por outro lado está à espera de um ATP, só deve ir para a 09 se o vento estiver a soprar com pelo menos uns bons 7 a 10 nós, a não ser que ele venha da Horta ou Flores! E no caso raro de o vento estar mesmo todo atravessado na pista, o mais usual é aterrarem na 27.
Bem e é mais ou menos isto, tem de ter em conta que a decisão de aterrar numa ou outra pista cabe ao comandante, e pode variar por diversos motivos, mas se seguir estas indicações estará no lado certo 85% das vezes!

Sem comentários: